Finanças

Bolsa de valores: O que é e como funciona

Cada vez mais o mercado de ações tem ganhado destaque no mercado, já que uma forma de investimento bastante interessante. Sendo assim, podemos dizer que todas essas ações são negociadas na bolsa de valores, entre empresas e investidores, como mesmo objetivo a compra e venda de ação. Além disso, a bolsa de valores é bastante procurada por muito investidores que desejam comprar um capital de uma empresa e participar de seus lucros.

Dessa forma, a bolsa de valores é uma rede de negócios de investimentos no mundo. No entanto, a maioria das pessoas ainda tem dúvida sobre o que é e o funcionamento da bolsa de valores, assim como suas características de investimentos. Por esse motivo, preparamos esse artigo para você poder tirar todas as dúvidas em relação ao funcionamento da bolsa de valores, principalmente para aqueles que desejam realizar investimentos em ações. 

Veja também:
O que é educação financeira infantil?
Como funciona o aplicativo Guia de Bolso? Ele é seguro?
O que é o fluxo de caixa? Como se faz o fluxo de caixa?

O que é e como funciona a bolsa de valores?

Como mencionamos, a bolsa de valores é um mercado de negociações de ações de diversas empresas e diversos investidores. Normalmente, as empresas estão negociando parte do seu capital para investidores se tornarem sócio e, como vantagem, os investidores participam de partes dos lucros obtidos na empresa. Além disso, é possível negociar ativos de empresas, fundos mútuos, títulos de renda fixa, entre outras negociações feitas na bolsa.

Além de fazer as negociações de ações entre investidores e empresas, ainda contribui para economia do país, já que garante a segurança das ações a serem negociadas, ainda trabalha na educação financeira de muitos investidores e empresas, além de aumentar a rede de negócios no país. Da mesma forma que funciona o comércio, funciona a bolsa de valores, aquela famosa lei no mundo dos negócios, a leia da oferta e procura.

O funcionamento da bolsa de valores é bem simples de entender. Quando uma empresa disponibiliza uma parte de seu capital para oferecer suas ações na bolsa de valores, os investidores podem realizar essas negociações e adquirir parte ou fragmentas dessas ações. Com isso, a pessoa que investiu em parte das ações, se torna um sócio ou acionista e, dessa forma, é possível conseguir se adquirir uma parte dos lucros obtidos na empresa.

As negociações na bolsa de valores podem ser feitas na internet ou presencial. Em geral, a maioria dos ativos mais conhecidos na bolsa de valores são as ações. Porém, vale lembrar que há outros categorias das finanças que podem ser negociadas na bolsa, como ativos de renda fixa, derivados de balcão e listado, crédito imobiliário, dentre outros. Destacando que a bolsa de valores é um ambiente totalmente seguro para realizar essas negociações.

O que significa investir na bolsa?

Levando em consideração as informações anteriores, podemos perceber que o investimento na bolsa de valores é algo bem simples de entender e pode ser feito facilmente. Quando uma empresa abre capital e disponibiliza suas ações, os investidores podem comprar parte dessas ações e, dessa forma, se torna um sócio da empresa. Com isso, é possível participar das vantagens oferecidos como sócio ou acionista da empresa.

Sendo assim, como acionista da empresa, de acordo com investimento realizado, você pode participar dos lucros obtidos na companhia, assim como participar de votação nas assembleias em relação ao recebimento de partes dos lucros. Além de receber partes dos lucros na empresa, é possível conseguir aumentar o seu patrimônio, bem como alcançar as metas e os objetivos almejados, o que torna uma ótima categoria de investimento.

Como e quanto investir na bolsa de valores?

Em primeiro lugar é preciso ter em mente que no Brasil há apenas uma bolsa de valores no mercado, que é a B3.  Na B3 é a bolsa de valores no mercado brasileiro, onde ocorre as negociações de ações, ou seja, a compra e venda de ações ou ativos de uma empresa. Lembrando que essas negociações são feitas através de corretoras que são especialistas pela Comissão de Valores Mobiliários.

Dessa forma, para iniciar um investimento na bolsa de valores, é preciso ter cadastro com correta especialista na área, em que abre um conta para o investidor para poder investir e participar na negociação de ações na bolsa de valores. Vale destacar que o valor mínimo para abertura de uma conta na bolsa de valores, varia de acordo com cada corretora. Antes de fazer um investimento, é fundamental fazer um bom planejamento para obter bom lucro.

Para entender quanto investir na bolsa de valores, precisa entender quanto custa uma ação. Em geral, as ações são negociadas por meio de lotes e, cada lote é equivalente a 100 ações. Sendo assim, por exemplo, se a cota mínima de uma ação está em R$ 1, isso significa que comprando um lote de ações, é necessário pagar no mínimo R$ 100. Porém, você também pode adquirir lotes de ações por frações, ou seja, lotes menores de ações. 

É seguro investir na bolsa de valores?

A maioria das pessoas que desejam iniciar um investimento na bolsa de valores, tem uma certa dúvida em relação à sua segurança. Porém, a bolsa de valores é um ambiente totalmente seguro para realizar as negociações de ações. Mas para ter total segurança na hora de realizar qualquer investimento, é necessário que o investidor faça uma pesquisa e estudo no mercado de ações, para entender todo o funcionamento da bolsa de valores.

Além de fazer um estudo de mercado, é necessário ter estratégias e métodos para um investimento. Para isso, você deve analisar bem a bolsa de valores e o mercado de ações, assim como entender a leia da oferta e demanda. Com isso, é possível realizar um bom investimento na bolsa de ações, além de garantir a segurança, também consegue obter sucesso, rentabilidade e lucros no investimento realizado, um dos benefícios da bolsa. 

Importante também lembrar que, ao iniciar um investimento na bolsa de valores, precisa entender que pode demorar na obtenção de um sucesso. Isso porque é necessário que o investidor saiba lançar estratégias, analisar bem os investimentos para poder ganhar uma boa rentabilidade. Para isso, é necessário definir qual o seu perfil de investidor, definindo o seu perfil como investidor, você consegue desenvolver melhor a sua estratégia para investir.

Outro ponto que também serve de grande importância, é saber os riscos que podem ocorrer em um determinado investimento. Com o seu perfil de investidor determinado, você consegue determinar o quanto estou disposto a arriscar em um investimento. Sendo assim, precisa ter em mente que em um investimento de alto risco as chances de obter um bom lucro são bem maiores, já investimento de baixo riscos os lucros são menores. 

É um bom negócio investir na bolsa de valores?

De modo geral, podemos dizer que o investir na bolsa de valores existem seus pontos positivos e negativos. Como sabemos, qualquer investimento há chances de riscos, que se encontram os riscos baixos, médios e altos. Por isso, destacamos a importância de conhecer o mercado de ações para pode realizar esses investimentos de acordo com seu perfil de investidor, se está disposto a correr baixos ou altos riscos na bolsa de valores.

Na bolsa de valores, há oportunidades de conseguir um ótimo lucro com investimento certo, o que torna um dos benefícios de investir na bolsa de valores. Porém, é necessário que investidor analise bem os seus investimentos, assim como busque as melhores estratégias para obtenção de lucro e sucesso no seu investimento. Com isso, você pode se tornar sócio da empresa e participar de todas as vantagens oferecidas, como participar dos lucros.  

Similar Posts